Netflix provoca polêmica ao procurar especialista em IA durante greves - Casa da Tecnologia
Site Overlay

Netflix provoca polêmica ao procurar especialista em IA durante greves

Netflix provoca polêmica ao procurar especialista em IA durante greves

A empresa está disposta a pagar o equivalente a 900 mil dólares por ano a quem ocupar este cargo.

A Netflix está atualmente envolvida numa polêmica relacionada com a publicação de um anúncio de emprego, onde a empresa indica que procura um especialistas em Inteligência Artificial (IA) para se juntar à sua equipe de Machine Learning Platform – responsável pelo algoritmo que sugere novas séries e filmes para os inscritos.

Para esta função a Netflix está disposta a pagar 900 mil dólares por ano (cerca de 4 milhões de reais), um valor que não caiu bem a todos os que apoiam os argumentistas e atores de Hollywood que se encontram em greve.

Entre as queixas dos grevistas está precisamente a cada vez maior adoção de IA pelos grandes estúdios (incluindo a Netflix), com o ‘timing’ desta abertura desta vaga de emprego a ter sido visto como uma ‘afronta’ a quem está lutando por melhores condições de trabalho e pelo futuro da respectiva profissão.

Javier Grillo-Marxuach, conhecido como roteirista de séries ‘Lost’, veio a público acusar a Netflix de “alegar pobreza enquanto recruta generais muito bem pagos para o exército sem alma de plagiadores”.