Japão coloca 'freio' no ChatGPT - Casa da Tecnologia
Site Overlay

Japão coloca ‘freio’ no ChatGPT

Japão coloca ‘freio’ no ChatGPT

A entidade reguladora do país não quer que a IA recolha dados sensíveis dos utilizadores.

Uma notícia avançada pela Reuters indica que a entidade reguladora do Japão ordenou à OpenAI que não recolhesse dados sensíveis sobre cidadãos do país com a ferramenta de Inteligência Artificial (IA) ChatGPT.

Caso a OpenAI falhe em fazê-lo, o regulador japonês admite agir para garantir que a privacidade dos utilizadores se mantém. Além disso, a empresa de IA também recebeu um alerta de que deve equilibrar a inovação nesta tecnologia e a necessidade de continuar a combater problemas como as alterações climáticas.

Serve recordar que o Japão não é o único país a expressar preocupações em relação ao ChatGPT, com a Itália e a Alemanha a também já terem expressado dúvidas com a ferramenta.